O pop perdeu o rei

ele

Michael Jackson morreu. Nunca pensei que iria viver isso. Quando fiquei sabendo não acreditei, será que ele morreu mesmo? Será que ele é humano? Depois da morte a conclusão óbvia era que sim, ele era humano, embora às vezes não parecesse.

Por mais triste que possa ser para a família e para os fãs, esse é um grande momento. O momento em que uma época acaba, um jeito de fazer música, um estilo, tudo isso vai embora com o rei do pop. Deve ter sido assim quando Elvis e Lennon morreram, o mundo parando pra ver e pra chorar e se rendendo às obras desses grandes artistas.

Eu não chorei, não fui às lágrimas. Também não era fã dele. Faço parte das pessoas que sempre o criticaram e tentavam entender o que ele estava fazendo com sua vida.  Não tenho nenhum cd, ou melhor, não tenho nenhuma pasta dele no arquivo de músicas do meu pc. Mas nem por isso deixo de fazer parte do coro que agora o glorifica. Ele era o cara. Podia ser estranho, bizarro, excêntrico, ter gostos duvidosos, ter se perdido completamente na indústria da música. Indústria, que segundo quase todos os jornais, ele ajudou a criar. Mas reconheço o grande cantor que ele era e, podia não ouvir constantemente, mas conheço muito bem os grandes hits como Thriller, Ben, Billie Jean, Beat it, You are not Alone e outras que não sei o nome.

Pode até se questionar o homem, mas jamais o profissional. Você pode gostar ou não do estilo de música, mas tem que reconhecer que ele foi o maior naquilo que fez. Ele era rei do mundo que criou. Michael mudou o jeito de cantar, de dançar, de fazer shows, de fazer videoclipes, de misturar tudo isso. E acreditem se quiser, meus colegas de telejornalismo, foi ele quem começou a usar chroma key, utilizava esse recurso para os clipes sempre inovadores que fazia. Por tudo isso e por mais um monte de coisas que não dá pra escrever aqui; ele foi, é, e sempre será o rei do pop. Afinal, como todo rei, ele pode até sair de cena, mas o legado fica. E fica pra influenciar muitas outras gerações.

55CC1E0F87484E41A191FFCAF4FA518A

Anúncios

5 thoughts on “O pop perdeu o rei

  1. thallyta diz:

    Realmente podemos questionar o homem que ele foi mais nunca o talento. Ele mudou tudo referente a música inovou, formou e construiu muitos que hj nós ouvimos e gostamos.
    Não digo pena, pq todos temos q morrer, mas me questiono o pq ele quis is agora, pois creio que grande parte deste acontecimento veio por parte dele, que foi afundando a cada novo passo e não soube direito o tempo para se levantar.
    Somos de certa forma felizes, MAmonas, Sena, Dercy e agora o MJ.
    Uma coisa é certa quem não o conheceu no ápice de sua carreira, tem a oportunidade de conhece-lo agora.

  2. Ai Debby, eu pouco ligava pra MJ sabe? Não me abalei pela morte dele, fiquei surpresa…mas senti pela história e tal!
    Quero escrever como você…[:(]

  3. Concordo contigo. Ao contrário de ti era fã, quer dizer continuo sendo fã dele, pois ainda vou adimirá-lo mais ainda. Você devia ter tido sentimentos mais positivos à cerca da vida particular dele, pois quem julga é Deus. Mas pronto, agora que ele morreu é que as pessoas dizem que ele foi o grande mas quando mais precisou poucas eram as pessoas e poucos eram os fãs que o apoiaram. Isso só demonstra o quanto vivemos numa sociedade hipócrita. É sempre assim néh?! Quando vejo pessoas sendo entrevistadas, fico com muita raiva, pois o que vejo são pessoas falsas sem sentimentos falando dele. Os jornalistas deviam ser mais cuidadosos quando procuram alguém para falar do amor pelo MJ. Eu vou chorar sempre, foi um choque pra mim, nunca vou esquecer mesmo. Amo MJ!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s